| 
  • If you are citizen of an European Union member nation, you may not use this service unless you are at least 16 years old.

  • You already know Dokkio is an AI-powered assistant to organize & manage your digital files & messages. Very soon, Dokkio will support Outlook as well as One Drive. Check it out today!

View
 

ATIVIDADE FINAL

Page history last edited by Jane Elisabete Lamera 13 years, 11 months ago

 

 

Tese escolhida : 4 – Não é necessário que os professores sejam bem preparados para o uso de mídias e tecnologias digitais, basta interagir com os alunos. Eles já sabem como usá-las.

 

 

"De um professor espera-se, em primeiro lugar, que seja competente na sua especialidade, que conheça a matéria, que esteja atualizado. Em segundo lugar, que saiba comunicar-se com os seus alunos, motivá-los, explicar o conteúdo, manter o grupo atento, entrosado, cooperativo, produtivo." (José Manuel Moran)

 

 

 

Estamos presenciando neste presente século uma das mais profundas mudanças no que diz respeito ao papel do professor e sua prática pedagógica. Estamos vivendo em um mundo que sofre transformações profundas com muita velocidade, a ciência e tecnologia tem se multiplicado de maneira espantosa, por consequência o que se sabia a alguns anos  atrás hoje em dia já não é válido. O professor está experimentando e experenciando mininstrar aulas para uma nova geração de alunos, os filhos da era digital que já nasceram tendo acesso a várias tecnologias que os cercam e são utlizadas de maneira usual. O grande desafio do professor é agregar a sua prática de sala de aula as novas tecnologias de informação e comunicação, como uma ferramenta auxiliar ao seu fazer pedagógico. E para que isto aconteça é preciso que o docente esteja preparado e atualizado para acompanhar seus alunos nesta nova perspectiva educacional que rompe com as velhas práticasa tradicionais de ensino, onde transmitir conhecimento era imperativo de bom desempenho profissional.  Hoje se faz de forma urgente que os professores tomem consciência e olhem ao seu redor para que possam entender a real dimensão das mudanças pelas quais estão passando a sociedade.Como nos diz Moran (2004)

 

"Ensinar e aprender estão sendo desafiados como nunca antes. Há informações demais, múltiplas fontes, visões diferentes de mundo. Educar hoje é mais complexo porque a sociedade também é mais complexa e também o são as competências necessárias. As tecnologias começam a estar um pouco mais ao alcance do estudante e do professor. Precisamos repensar todo o processo, reaprender a ensinar, a estar com os alunos, a orientar atividades, a definir o que vale a pena fazer para aprender, juntos ou separados."

 

Os alunos com certeza demonstram muitos conhecimentos em relação ao uso das novas tecnologias, mas este conhecimento de senso comum não é aquele que deve ser adquirido com a mediação do professor. O processo de ensino-aprendizagem é singular pois, ele acontece na troca entre professor-aluno e aluno-professor, mas   não significa que o educador vá  levar seus alunos por exemplo para o laboratório de informática da escola sem ter um objetivo concreto,  uma aula bem preparada somente valendo-se dos conhecimentos que os aulas já possuem. Este tipo de proposta não leva a nenhum lugar e não tem significado algum, pois manter-se atualizado é estar em constante aprefeiçoamento profissional buscando novas ideias, fazendo cursos. participando de projetos, lendo muito, buscando informações e estando atento e aberto para as mudanças. Somente desta maneira o professor do século XXI estará apto e seguro para ministrar aulas prazerosas, instingantes e significativas para seus alunos. Termino esta pequena reflexão com ums frase de José Manuel Moran que diz  o seguinte:

 

"O educador é especialista em conhecimento, em aprendizagem. Como especialista, espera-se que ao longo dos anos aprenda a ser um profissional equilibrado, experiente, evoluído; que construa sua identidade pacientemente, integrando o intelectual, o emocional, o ético, o pedagógico."

 

 

 

 REFERÊNCIAS:

 

 

 MORAN, José Manuel, MASETTO, Marcos e BEHRENS, Marilda. Novas Tecnologias e Mediação Pedagógica. 15ª ed. Campinas: Papirus, 2009, p.11-65

 

 

Texto publicado nos anais do 12º Endipe – Encontro Nacional de Didática e Prática de Ensino, in ROMANOWSKI, Joana Paulin et al (Orgs). Conhecimento local e conhecimento universal: Diversidade, mídias e tecnologias na educação. vol 2, Curitiba, Champagnat, 2004, páginas 245-253 - jmmoran@usp.br

 

 

 

 http://www.eca.usp.br/prof/moran/espacos.htm - acesso em 18.07. 2010

 

 

 

 

Visitando atividade 4 da colega: Jaqueline Abrantes Ferreira

 

 

 

Quanto ao texto:

 

 O texto  é uma autobiografia da colega Jaqueline, existem detalhes de sua  vida pessoal e também de sua vida profissional. A escrita utiliza linguagem usual sem uso de palavras desconhecidas ou de difícil compreensão. Por se tratar de uma autbiografia, penso que deveria ser uma pouco mais detalhada e abrangendo mais a trajetória da colega como profissional da educação (professora).

 

 

Quanto as imagens:

 

 Gostei bastante da forma com que a colega demonstrou sua história, ficou bastante interessante o uso dos slides dão ao leitor uma nítida noção das sequência de datas e fatos ocorridos na vida da autora, no caso Jaqueline A. Ferreira. Todas as imagens escolhidas contribuíram de forma relevante para ilustrar a proposta da colega.

 

 

Quanto ao vídeo:

 

 

Encontrei  bastante dificuldade em abrir o vídeo, não posso explicitar a razão, mas cada vez que tentava abrir a página tudo trancava e por várias vezes tive que reiniciar para dar continuidade a atividade de análise. Ao olhar o vídeo postado na atividade percebe-se imediatamente que a autora utilizou fragmentos do texto e acrescentou imagens, neste caso, penso que ela deveria optar entre o texto ou  vídeo. Acredito que se a colega optasse pelo vídeo com certeza seria bem interessante, visto que a parte escrita seria compreendida de melhor forma através da sequência de imagens.

 

 

Quanto a Arquitetura Pedagógica:

 

Ao ler sobre o planejamento da Arquitetura Pedagógica, achei a proposta interessante mas, não consegui compreender com exatidão qual seria a arquitetura proposta pela colega um PA, uso das mídias penso que deveria ficar mais claro para o leitor o tipo de trabalho que seria desenvolvido.

 

 

 

 

 

 

 

Comments (1)

Amanda Quadros said

at 2:33 pm on Jul 19, 2010

Aguardo finalização da atividade, deixastes de fazer a parte mais fácil da ativ.7, mas por enquanto já está muito legal tua reflexão!

beijos

You don't have permission to comment on this page.